Zelensky faz apelo mundial para forçar saída da Rússia de usina e alerta para ‘desastre radioativo’

Pedido acontece depois que o espaço ficou sem eletricidade por horas devido a um bombardeio


Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskiy, disse que incidente poderia ter causado um desastre radioativo internacional


O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, fez apelo mundial para forçar a saída da Rússia da maior usina nuclear da Europa. O pedido acontece depois que o espaço ficou sem eletricidade por horas.


De acordo com o presidente ucraniano, o incidente poderia ter causado um desastre radioativo internacional. Na quinta-feira, 25, um bombardeio russo provocou incêndios nos poços de cinzas de uma usina de carvão próxima, que desligou a usina Zaporozhzhia.


Uma autoridade russa afirmou que a culpa foi da Ucrânia. Segundo Zelensky, geradores a diesel de backup garantiram o fornecimento de energia vital para os sistemas de refrigeração e segurança da usina.


“É necessária uma pressão internacional que force os ocupantes a se retirarem imediatamente do território da usina nuclear de Zaporizhzhia”, disse durante um vídeo na noite desta quinta-feira, 25.


“A AIEA e outras organizações internacionais precisam agir muito mais rápido do que estão agindo agora. Porque cada minuto que as tropas russas ficam na usina nuclear é um risco de um desastre global de radiação”, concluiu o presidente ucraniano, referindo-se ao órgão de vigilância nuclear das Nações Unidas.


Por: Jovem Pan

0 visualização0 comentário