top of page

Triunfo sobre o Avaí eleva chances matemáticas do Fluminense se classificar para a Libertadores

Após três derrotas seguidas, o Fluminense voltou a vencer no Brasileirão e com direito a uma goleada por 3 a 0, sobre o Avaí, na Ressacada. Com o triunfo, a equipe carioca elevou suas chances matemáticas de disputar mais uma Copa Libertadores em sua história e voltou ao G4.



Nesse sentido, assim como fez em 2011, 2012 e 2013, o Tricolor pode, dez anos depois, completar três anos consecutivos disputando a competição continental. De acordo com dados do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais UFMG), o time de Diniz tem 96.6% de chance de garantir a vaga.


Ao longo de sua história, o Fluminense já participou da Libertadores em oito oportunidades. A primeira delas aconteceu em 1971, quando caiu na fase de grupos, assim como em 1985, no ano seguinte ao bicampeonato brasileiro, sobre o Vasco, com o eterno casal 20: Assis e Washington.


Por outro lado, a melhor campanha da história do clube é uma ferida ainda aberta no coração do torcedor. Em 2008, a equipe foi vice para a LDU, do Equador, em pleno Maracanã, nos pênaltis. Três anos depois, em 2011, a queda aconteceu nas quartas de finais para o Libertad, do Paraguai.


Nos anos seguintes, eliminações também nas quartas para Boca Juniors, da Argentina, e Olimpia, do Paraguai, respectivamente. Em 2021. uma campanha que encheu o torcedor de esperança ao derrotar o poderoso River Plate. Mas a pedra no sapato da vez foi outro time equatoriano, desta vez o Barcelona, de Guayaquil.


Nesta temporada, a equipe chegou a fazer 3 a 1 no Olímpia, do Paraguai, no Rio de Janeiro. No entanto, sofreu uma derrota por 2 a 0, no Defensores Del Chaco, em Assunção. Novamente os pênaltis atravessaram o caminho tricolor, que foi eliminado.


No Brasileirão, os comandados de Diniz se recuperaram na tabela com o triunfo sobre o Leão da Ilha. Agora, terá um clássico contra o Botafogo, domingo, às 16h, no Maracanã. Na sequência, mede forças com Corinthians e Ceará, fora de casa, e São Paulo e Goiás, no Maracanã. Por fim, se despede da temporada contra o Red Bull Bragantino, no Nabi Abi Chedid.


Por: LANCE!.



0 visualização0 comentário
bottom of page