Hospital Edson Ramalho inicia cirurgias bucomaxilofaciais para atender demanda...

Dr. Jales Meneses, ​explicou que o fluxo de atendimentos de urgência e emergência nessa especialidade vem aumentando a cada ano e a instituição passa a cumprir com essas demandas também.


A cirurgia e traumatologia bucomaxilofacial é uma especialidade da odontologia que tem por finalidade prestar assistência a pacientes que necessitam de tratamento para deformidades, traumas e patologias da face. (Foto: Reprodução)


O Hospital Edson Ramalho iniciou as primeiras cirurgias bucomaxilofaciais de alta e baixa complexidade. Em entrevista ao ClickPB, nesta quarta-feira (21), o diretor da Policlínica da Polícia Militar do Edson Ramalho, Dr. Jales Meneses, explicou que o fluxo de atendimentos de urgência e emergência nessa especialidade vem aumentando a cada ano e a instituição passa a cumprir com essas demandas também.


“Nós não tínhamos esse serviço e agora estamos sanando essa necessidade. Iremos desafogar o Trauma para deixar lá, as demandas de maior complexidade. Os pacientes são atendidos normalmente no Trauma, no entanto, sendo necessária uma intervenção cirúrgica, poderão ser direcionados para nossas instalações. A medida deve sanar a procura crescente de pacientes que necessitam de atendimento com traumas e casos cirúrgicos de face", disse.


A cirurgia e traumatologia bucomaxilofacial é uma especialidade da odontologia que tem por finalidade prestar assistência a pacientes que necessitam de tratamento para deformidades, traumas e patologias da face.


De acordo com o cirurgião, a meta inicial é atender duas vezes por semana, para suprir uma média de 15 cirurgias mensal. "Essas cirurgias serão constantes. Haverá fluxo específico tanto para adultos como idosos, além daqueles com necessidades especiais que estejam precisando dessa intervenção cirúrgica. Fizemos uma parceria com a coordenação de saúde bucal do estado para viabilizar o atendimento desses pacientes. Além disso, serão atendidos pacientes que tenham sofrido fraturas com baixa e média complexidade que atingem a face das pessoas, além da remoção de tumores e outros procedimentos", reforçou.


Meneses esclareceu ainda que diversos fatores provocam acidentes na face, "como o aumento significativo de acidentes em motocicletas, decorrentes do impacto da batida ou pela falta do capacete, casos de violência doméstica, mal estar e quedas, além de acidentes de trabalho ou práticas esportivas".


Os atendimentos acontecem seguindo um cronograma específico do Sistema Único de Saúde (SUS), os pacientes com necessidades especiais (PNEs) serão atendidos inicialmente no serviço odontológico do município em que reside, caso haja necessidade de atendimento especializado, deverá irá ao Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), e caso seja necessário intervenção hospitalar, será encaminhado a coordenação Estadual de Saúde Bucal, para que passe pela cirurgia no Edson Ramalho.


Foram responsáveis pela implementação do projeto, o Diretor do Hospital, Coronel Almeida, o Comandante Geral, Sérgio Fonseca. Fazem parte da equipe os cirurgiões, Adriano Quintans e Jorge Dias, além do anestesista Marcos Eyder.



Por: Emmanuela Leite/ Redação ClickPB.


0 visualização0 comentário