Bolsonaro deve anunciar 13º do Auxílio Brasil a mulheres a partir de 2023

Chefe do Executivo divulgará medida ainda neste mês, antes do segundo turno das eleições presidenciais



O presidente Jair Bolsonaro (PL) pretende pagar, a partir de 2023, 13º do Auxílio Brasil às mulheres beneficiárias do programa, segundo apurou o R7. Ainda neste mês, antes do segundo turno das eleições presidenciais, o chefe do Executivo anunciará a medida.


A iniciativa de Bolsonaro pode melhorar a aceitação dele pelo eleitorado feminino, público com quem o presidente ainda enfrenta resistência. Até 30 de outubro, data do segundo turno, a equipe do chefe do Executivo quer explorar o Auxílio Brasil na campanha para tentar garantir mais votos.


Para o ano que vem, o presidente já prometeu que, caso reeleito, vai manter o valor do benefício em R$ 600, mesmo que no Projeto da Lei Orçamentária Anual (Ploa) de 2023 apresentado pelo Palácio do Planalto ao Congresso Nacional conste que o Auxílio Brasil retomará o valor original de R$ 400 em 2023.


O Auxílio Brasil no valor de R$ 600 foi possível a partir da aprovação de uma proposta de emenda à Constituição (PEC) no Congresso, em julho, que reconheceu estado de emergência no país até o fim deste ano em razão da elevação do preço dos combustíveis.


Segundo Bolsonaro, os R$ 600 serão pagos em 2023 a partir da taxação de lucros e dividendos de pessoas que ganham acima de R$ 400 mil por mês.


Por: Portal Correio (R7).

1 visualização0 comentário