Além de medalha, ladrões que invadiram casa de Leão levaram réplica da taça Jules Rimet

Crime ocorreu em bairro nobre de São Paulo. Ex-jogador afirma que prêmio tinha 10 centímetros e era feito de ouro maciço


O ex-goleiro Emerson Leão e a Taça Jules Rimet, troféu dado até a Copa de 1970

REPRODUÇÃO/RECORD TV


A casa do ex-goleiro e ex-técnico da seleção brasileira Emerson Leão foi roubada enquanto o atleta viajava. Entre os itens levados também está uma réplica de 10 centímetros da taça Jules Rimet em ouro maciço, além da medalha de ouro da Copa do Mundo de 1970 e joias. O crime ocorreu no Jardim Paulista, bairro nobre da zona oeste de São Paulo.


O roubo dá réplica remete ao roubo da taça original, ocorrida no Rio de Janeiro em 1983. O troféu conquistado a cada Copa do Mundo até 1970 ficou definitivamente em poder da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), em razão de o Brasil ter sido a primeira seleção a ganhar um tricampeonato. Treze anos após a conquista, ladrões invadiram o prédio da CBF e levaram a Taça Jules Rimet, que acabou sendo derretida pelos criminosos para venda em peças de ouro. Dois criminosos foram condenados pelo roubo.


Leão estava fora de casa desde a quinta-feira (3) e retornou na manhã deste domingo (6), quando descobriu a invasão. A Polícia Militar foi acionada às 11h53 e constatou que o crime não havia acontecido naquele momento, uma vez que os assaltantes já haviam fugido.


Equipes estiveram no endereço, mas ninguém foi preso. A Polícia Civil foi comunicada e a perícia acionada. A estimativa é que cinco pessas teriam participada do crime.

"Tudo o que eu ganhei do futebol foi roubado. Roubaram 53 anos de trabalho e casamento da minha vida", afirmou o ex-goleiro ao Balanço Geral.


Leão afirmou que essa é a segunda vez que o local é invadido, sendo que na primeira vez os criminosos ainda estavam na residência quando ele chegou.


Por: SÃO PAULO | Do R7, com informações do Balanço Geral, da Record TV, e da Agência Record. 07/11/2022 - 15H52 (ATUALIZADO EM 07/11/2022 - 15H53).


1 visualização0 comentário